Estatísticas
Visitas: 776383 Usuários Online: 14


999687855 / 999564555

Hora Certa
Enquete
Se a eleição fosse hoje em qual desses candidatos você votaria para Presidente da República?

 Aécio Neves
 Luiz Inácio Lula Da Silva
 Dilma Roussef
 João Dória
 Marina Silva
 Ciro Ferreira Gomes
 Jair Messias Bolsonaro
 Fernando Henrique Cardoso
 Tiririca (Francisco Everardo Oliveira Silva Junior)
 Sergio Moro

Videos
Policial
Publicada em 07/07/17 as 07:12h - 365 visualizações
Mãe de assaltante tenta registrar B.O. contra vítima que agrediu o filho em SP
Dupla tentou roubar a carga de um caminhão em Praia Grande, no litoral paulista. As vítimas reagiram e agrediram os suspeitos.

Andre Luis


Erick Thadeu e Gregory Perciliano foram presos ao tentarem roubar carga de caminhão  (Foto: G1 Santos)

ois jovens foram presos em flagrante ao tentaram roubar a carga de um caminhão em Praia Grande, no litoral de São Paulo, na noite desta quinta-feira (6). As vítimas reagiram e agrediram a dupla, que foi presa. Na delegacia, a mãe de um dos suspeitos quis registrar um boletim de ocorrência em favor do filho, por conta da agressão. O delegado se recusou.

O crime ocorreu na Rua Gastão de Souza Oliveira, no bairro Quietude. O veículo era descarregado quando a dupla, identificada como Erick Thadeu Pariz de Oliveira, de 23 anos, e Gregory Perciliano de Jesus, de 20, abordou um dos empregados da firma. Com um revólver, eles anunciaram o assalto.

Outros funcionários da empresa notaram o ocorrido e reagiram à ação criminosa, segundo a Polícia Civil. Para se defenderem, vítimas e suspeitos lutaram, até que os dois fossem imobilizados e desarmados. A Polícia Militar foi acionada e uma equipe conseguiu prender os dois rapazes em flagrante no local.

A arma que eles utilizavam era falsa (simulacro) e foi apreendida. Encaminhados à delegacia, ambos foram autuados em flagrante por roubo pelo delegado Alexandre Comin. No registro da ocorrência, entretanto, os policiais foram surpreendidos com a chegada de familiares de um dos suspeitos.

Entre eles, estava a mãe de Gregory, que queria registrar um boletim de ocorrência de lesão corporal contra as pessoas que, segundo ela, agrediram o filho dela. "Eu expliquei que não registraria, pois as vítimas do roubo estavam em legítima defesa e agiram com respaldo da lei", informou o delegado.

O caso foi registrado na Delegacia Sede da cidade e segue em investigação. A dupla presa foi encaminhada a uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) para realizar curativos nos ferimentos, e depois levada para a Cadeia Pública. As vítimas da tentativa de roubo não se feriram com gravidade e passam bem.

Caso foi encaminhado à Delegacia Sede de Praia Grande, SP (Foto: Rafaella Mendes/G1) Caso foi encaminhado à Delegacia Sede de Praia Grande, SP (Foto: Rafaella Mendes/G1)
Caso foi encaminhado à Delegacia Sede de Praia Grande, SP (Foto: Rafaella Mendes/G1)


G1



Deixe seu comentário!

ATENÇÃO: Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Parceiros

Copyright (c) 2017 - Andre Luis - Todos os direitos reservados